Câmara Municipal vota os Planos Municipais Juventude Viva e de Cultura

Nesta semana, Osasco deu passos importantes rumo à construção de políticas públicas essenciais ao futuro do nosso município. No dia 8 de agosto, a Câmara Municipal aprovou, em sessão extraordinária, os Projetos de Lei 14/2015 e 3/2015, referentes, respectivamente, ao Plano Municipal Juventude Viva e Plano Municipal de Cultura.

Além da sabida relevância do conteúdo dos planos, Osasco saiu mais uma vez na frente, já que foi o primeiro município do Brasil a votar e transformar em Projeto de Lei o Plano Municipal Juventude Viva, que deriva do Plano Juventude Viva, da Secretaria Nacional de Juventude.

Elaborados por grupos de trabalhos intersecretariais distintos, todos sob coordenação da Secretaria de Planejamento e Gestão (SEPLAG), os textos passaram por aprovação e votação do Poder Legislativo. Agora, seguem para sanção do Prefeito Jorge Lapas e, a partir de então, tornam-se leis que irão redefinir as ações municipais que regulamentarão a cultura e as políticas voltadas aos jovens de Osasco. 

Pensados para contemplar medidas que podem ter duração de até 20 anos, os planos municipais normatizarão aspectos diversos na vida dos cidadãos. O Juventude Viva tem como objetivo reduzir a vulnerabilidade dos jovens a situações de violência física e simbólica, especialmente entre jovens negros, de baixa escolaridade e moradores de bairros vulneráveis. Já o Plano Municipal de Cultura, elaborado com ajuda da classe artística, sociedade civil e gestores culturais, reúne diagnósticos sobre a situação da cultura no município e ações de investimento e fomento à cultura. Antes de serem enviados para apreciação na Câmara Municipal e aprovados, os Planos passaram por etapas de consulta pública on-line e audiência pública.





Outras Notícias

Na segunda-feira, 17/4, o prefeito Rogério Lins recebeu, em seu gabinete, a reitora da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), Soraya Smaili, a diretora acadêmica da Unifesp Campus Osasco, Luciana Onusic, e representantes do corpo docente da instituição. A pau...

Leia mais